Inércia – 12


O aeroporto da Ota ficará assente sobre 235 mil estacas de betão; estes terrenos são 40% da área total, 650 hectares de mau terreno onde se gastarão 415 milhões de euros. Há mais de 114 ha de lodos com a altura de 4 a 20 metros, a consolidar. Existem impactos negativos significativos, como o escoamento de ribeiras, Sete quilómetros de alta tensão a desviar custarão 30 milhões de euros. A dois minutos da Ota há uma zona com 60 ha com capacidade de armazenamento de 250 mil m3 de combustíveis, que ficam no enfiamento das pistas; os depósitos tiram-se dali, mas a que custos? A obra está orçada para 6 anos, sendo os primeiros três para preparação do terreno.

O Bloco de Esquerda decidiu responder à campanha publicitária do Governo para promover a formação profissional, em que várias figuras públicas, como Judite de Sousa e Carlos Queiroz, desempenham modestas profissões, que poderiam ter sido as suas, se não terminassem os estudos. O BE colocou na rua uma contracampanha, em que mostrará a realidade de muitos jovens, que investiram na sua formação para nada… ou muito pouco. São licenciados e trabalham como empregados de balcão ou em call-centers.

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: