Cartaz do Super Bock Super Rock – Porto

 

Notícias corroboram ideias anteriores referentes ao cartaz do Super Bock Super Rock, no Porto. Nomes como James, Jamiroquai, ZZTop, David Fonseca, Xutos & Pontapés, Crowded House, Jorge Palma e Clã, são apontados como presenças certas!

Edição posterior:

A promotora do festival, Música no Coração, confirmou todos os artistas, dividindo-os nos seguintes dias:

4 de Julho: Xutos & Pontapés, ZZTop, James, David Fonseca, Crowded House, Orquestra de Jazz do Hot Clube.

5 de Julho: Jamiroquai, Clã, Jorge Palma e outros dois nomes internacionais a serem referidos mais tarde.

O festival decorrerá no Parque da Cidade e quem vier de fora poderá acampar no Parque  de Campismo da Prelada, a partir do qual terão transporte gratuito para o recinto.

O bilhete diário custará 35€ e o bilhete duplo custará 60€.

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Comentários

  • mary j  On Março 11, 2008 at 14:53

    Ainda acabo por me revoltar com a Música no Coração.

    Então os que eu quero ouvir e ver vão para o Porto, e por Lisboa apenas Iron Maiden (por enquanto)?

    Os grandes James, Jamiroquai, David Fonseca… Tudo no Porto. Bah.
    Agora sei como o pessoal do Porto se sente a relação aos concertos em Lisboa! 😐

  • Francisco Garcia  On Março 12, 2008 at 18:24

    agorea imagina o que um gajo nao faz e gasta qdo por ex. vou aoatlantico ver qqr banda … se vou gasto logo ujma brutalidade em combustivel portagnes parqueamento da viatura possivelmente no vasco da gama ou ate ir de alfa …. se o bilhete do concerto sai a 40 mais ou menos acrescento pelo menos mais 100. Mas de facto nao ha nenhum local no porto que possa acolher um concerto à escala do atlantico. Mas tb nao me orgulho mto deste cartaz… jamiroquai mto bom mas ja foi visto… james onde vai maio vi pela primeira vez no falecido festival imperial no campo de treinos numero 3 no antigo estaduio das antas. david fonseca era bater-lhe pq já xateia … Asproprias promotoras podiam negociar com os artistas… qdfo ha um concerto no dragao é historia.. o de george michael em coimbra parecia k era uma utopia as resportagens no local parecia k tavam a fazer um favor a naçao. se dotassemos a pais de infraestruturas podia haver cultura acessivel a todos.. e nao tou a falar de um peça de teatro itinerante. infelizmente, em lisboa filhos de deus …no porto e afim mais filhos da p***. vá lá, de um deus menor.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: