Monthly Archives: Janeiro 2009

Vicky Cristina Barcelona

null

Um argumento pitoresco do génio Woody Allen e repleto de boas interpretações.

Watchmen

null

Nunca fui fã de comics, nem de super-heróis. As únicas bandas desenhadas que lia eram as infantis da Disney, com muito Tio Patinhas e Pato Donald à mistura. Adaptações de banda-desenhada para o cinema nunca segui e contam-se provavelmente pelos dedos de uma mão a quantidade  que vi. Recordo-me, assim de repente, de Fantastic Four, Homem-Aranha e mais recentemente O Cavaleiro das Trevas.

Watchmen é uma das BD mais elogiadas de sempre e há anos que os fãs clamavam por uma versão cinematográfica, mas tem sido dado a conhecer nos media mais pelo parecer dos tribunais acerca do caso de luta de copyright entre a Fox e a Warner Bros. Ontem, quando fui ao cinema, vi um trailer do filme, que apesar de me ter cruzado com ele na web,  nunca tinha tido a curiosidade de o ver. O trailer que se segue é uma pequena obra-prima. Excelentes efeitos visuais, óptima banda sonora, pouco conta. Brilhante. Ora vejam:

Changeling

2887443863_6ca2ce48ef

Uma mulher contra o sistema. Uma história de coragem e esperança.

Sinto a tua falta.

Todos os dias sinto a tua falta. Mesmo quando estás cá. Sinto a tua falta durante as 10 horas que estou fora de casa, durante o dia. Sinto a tua falta durante o sono, quando sei que estás ao meu lado, mas gostava de estar acordado a olhar-te profundamente. Sinto a tua falta quando passas o fim-de-semana fora, o quarto está vazio, a cama está fria, sujo apenas um prato em vez de dois. Sinto a tua falta quando o quarto não está cheio de canecas sujas. Sinto a falta da tua voz, de quando falas horas sem parar, mesmo que pareça que não estou a ouvir e estou no computador. Sinto a falta da tua presença. Sinto a tua falta.

Revolutionary Road

revolutionary-road-movie-poster1

Um intenso drama suburbano, com excelentes interpretações.

(Leia a crítica AQUI)

Deprê, dizem os brasileiros

 070707depressaonapista

Hoje sinto-me algo deprimido. Deprimido mesmo. A chuva ou o frio podem contribuir para tal efeito ou até o facto de este ano não ter tido tempo de apanhar Sol ou descansar. Por outro lado, estamos na altura do mês que mais odeio: a altura em que faço o processamento de salários dos vendedores da empresa para a qual trabalho. Acreditem, faço o trabalho de duas pessoas ao longo do mês e isso não ajuda em nada.

O que estás a fazer, Cavaco?

twitter

Até Cavaco Silva já aderiu à moda do Twitter.

A Presidência da República está a partir desta terça-feira oficialmente presente na rede social ‘Twitter’, através da qual será possível acompanhar a agenda de Cavaco Silva. http://twitter.com/presidencia

Já agora Cavaco, se quiseres adiciona-me http://twitter.com/tiago_ana.

Saltar baixo

Como é possível termos esgotado praticamente todo o tráfego do Kanguru em apenas meio mês?! Temos de arranjar vida própria. 😛

Saúde?

null

Portugal não está de boa saúde. Nem Portugal nem os milhões de utentes do país que não têm médico de família atribuído, que num caso de doença não tem acesso a médico no centro de saúde, porque não há médicos, que não pode ir às Urgências porque o seu estado não é suficientemente grave para ser consultado, nem pode ir a serviços complementares de apoio, como o SASU, sem ouvir expressões como “Ah, tem as tensões muito baixas. E sim, realmente pode ser anemia. É melhor ir ao médico o quanto antes…“.

O Simplex não funciona, o SNS não funciona. E as pessoas adoecem sem ter acesso a uma alternativa, pessoas que estão há mais de dez anos sem médico de família e que, em caso de doença, é comparecer no centro de saúde, rezando que exista um médico, na maior das caridades, que o atenda.

Manhattan & Woody Allen

null

O classicismo e o glamour do cinema fascinam-me. Sinto-me tentado a adquirir, via AmazonUK, o poster do filme Manhattan (1979), de Woody Allen e que conta nos papéis principais com ele próprio e Meryl Streep.

Son of Rambow

son_of_rambow_ver3

Um verdadeiro tributo aos 80’s e ao VHS.

Slumdog Millionaire

slumdog_millionaire_ver2

Claramente o filme indie do ano.

(Leia a crítica AQUI)

A Dobradinha

Já mencionei o mesmo assunto aqui duas vezes seguidas, com esta é a terceira, mas não é todos os dias que Kate Winslet ganha dois Globos de Ouro, ainda para mais em categorias principais.

Penso que os vídeos falam por si…

Globos de Ouro 2009 – Cinema

Os vencedores dos Globos de Ouro 2009 foram anuciados, com a habitual pompa e circunstância, numa cerimónia que não trouxe grandes surpresas, salvo duas ou três excepções, mas que consolidou ainda mais a corrida para os Óscares.

Melhor Filme (Drama)

null

  • Slumdog Millionaire
  • O Estranho Caso de Benjamin Button
  • Frost/Nixon
  • The Reader
  • Revolutionary Road

 

Melhor Realizador

gg2009_dannyboyle

  • Danny Boyle (por Slumdog Millionaire)
  • Stephen Daldry (por The Reader)
  • David Fincher (por O Estranho Caso de Benjamin Button)
  • Ron Howard (por Frost/Nixon)
  • Sam Mendes (por Revolutionary Road)

 

Melhor Actor (Drama)

gg2009_mickeyrourke 

  • Mickey Rourke (por The Wrestler)
  • Leonardo DiCaprio (por Revolutionary Road)
  • Frank Langella (por Frost/Nixon)
  • Sean Penn (por Milk)
  • Brad Pitt (por O Estranho Caso de Benjamin Button)

Melhor Actriz (Drama)

 gg2009_katewinslet

  • Kate Winslet (por Revolutionary Road)
  • Anne Hathaway (por O Casamento de Rachel, Rachel Getting Married, no original)
  • Angelina Jolie (por A Troca, Changeling, no original)
  • Meryl Streep (por Dúvida, Doubt, no original)
  • Kristin Scott Thomas (por I’ve Loved You So Long)

 

Melhor Actriz (Comédia ou Musical)

gg2009_sallyhawkins

  • Sally Hawkins (Happy-Go-Lucky)
  • Rebecca Hall (por Vicky Cristina Barcelona)
  • Frances McDormand (por Destruir Depois de Ler)
  • Meryl Streep (por Mamma Mia!)
  • Emma Thompson (por Last Chance Harvey)

 

Melhor Filme (Comédia ou Musical)

vicky_christina_barcelona

  • Vicky Christina Barcelona
  • Happy-Go-Lucky
  • Destruir Depois de Ler
  • In Bruges
  • Mamma Mia!

 

Melhor Actor (Comédia ou Musical)

gg2009_colinfarrell

  • Colin Farell (In Bruges)
  • Javier Bardem (por Vicky Cristina Barcelona)
  • James Franco (por Pineapple Express)
  • Brendan Gleeson (por In Bruges)
  • Dustin Hoffman (por Last Chance Harvey)

 

Melhor Actor Secundário (Drama) e (Comédia ou Musical)

heathjoker

  • Heath Ledger (por O Cavaleiro das Trevas)
  • Tom Cruise (por Tempestade Tropical)
  • Robert Downey, Jr. (por Tempestade Tropical)
  • Ralph Fiennes (por A Duquesa)
  • Philip Seymour Hoffman (por Dúvida)

 

Melhor Actriz Secundária (Drama) e (Comédia ou Musical)

gg2009_katewinslet1

  • Kate Winslet (por The Reader)
  • Amy Adams (por Dúvida)
  • Penélope Cruz (por Vicky Cristina Barcelona)
  • Viola Davis (por Dúvida)
  • Marisa Tomei (por The Wrestler)

 

Melhor Animação

wall-e_poster2

  • WALL.E
  • Bolt
  • O Panda do Kung Fu

 

Melhor Filme Estrangeiro

waltz-poster

  • A Valsa com Bashir
  • Everlasting Moments
  • Gomorra
  • I’ve Loved You So Long
  • The Baader Meinhof Complex

 

Melhor Guião

null

  • Slumdog Millionaire (por Simon Beaufoy)
  • O Estranho Caso de Benjamin Button (por Eric Roth)
  • Dúvida (por John Patrick Shanley)
  • Frost/Nixon (por Peter Morgan)
  • The Reader (por David Hare)

 

Melhor Composição Musical

null

  • Slumdog Millionaire (por A. R. Rahman)
  • O Estranho Caso de Benjamin Button (por Alexandre Desplat)
  • A Troca (por Clint Eastwood)
  • Defiance (por James Newton Howard)
  • Frost/Nixon (por Hans Zimmer)

 

Melhor Música Original

gg2009_brucespringsteen

  • “The Wrestler” – Bruce Springsteen – The Wrestler
  • “Down to Earth” – Peter Gabriel/Peter Gabriel and Thomas Newman – Wall-E
  • “Grant Torino” – Gran Torino
  • “I Thought I Lost You” – Miley Cyrus and John Travolta/Miley Cyrus and Jeffrey Steele – Bolt
  • “Once In A Lifetime” – Cadillac Records

Poucas novidades e muitas consagrações. Slumdog Millionaire sai o grande campeão da noite, com quatro prémios em categorias principais, Wall-E arrecada o galardão esperado, bem como Valsa com Bashir que destrona Gomorra e sobretudo, a quase-certeza que Heath Ledger receberá também um Óscar póstumo. De lamentar, a exclusão de O Curioso Caso de Benjamin Button, que enfrenta a injustiça de ser um ano com competição aguerrida. Tenho a certeza que, em outras circunstâncias, o filme seria o grande vencedor.

Por outro lado, a surpresa está nos dois Globos de Ouro para Kate Winslet, por The Reader (Actriz Secundária) e Revolutionary Road (Actriz Principal), que já merecia há muitos anos uma distinção. Ficaria agradado se também recebe o Óscar nas categorias equivalentes, mas essa é realmente a minha grande dúvida.

Globos de Ouro 2009 – Melhor Actriz e Melhor Actriz Secundária

null

null

Kate WinsletThe Reader e Revolutionary Road

Finalmente a actriz vê o seu trabalho reconhecido. Será desta que Kate Winslet ganha o Óscar?

O Curioso Caso de Benjamin Button

19351_52

Absolutamente perfeito. David Fincher traz-nos um filme que vai acabar por se tornar um clássico da história do cinema.

(Ler a crítica do filme AQUI.)

Stomp :: Coliseu do Porto

null

Dia 19 de Fevereiro – Coliseu do Porto

Autoridade da Concorrência & MyZONcard

null

Já estamos habituados, de vez em quando a Autoridade da Concorrência entra-nos no dia-a-dia e é o mote da semana em tudo quanto é media. Já foi assim aquando da suspensão do Optimus Home e também, mais recentemente, da OPA da Sonae à PT. O tema do dia agora será sobretudo a Autoridade da Concorrência (AdC), a ZON TVCabo e o seu myZONcard. Ora, afirma a ZON que o seu cartão que oferece 52 bilhetes de cinema grátis por ano é apenas uma forma de recompensar os seus clientes mais antigos. Quem não achou muita graça foi Paulo Branco, director dos cinemas Medeia (uma minoria no nosso país em comparação com a quantidade de salas de cinema Lusomundo que existem) e que se queixou à AdC.

Nesta novela da indústria cinematográfica e das distribuidoras do nosso país, a AdC considerou que esta oferta poderá trazer consequências irreparáveis para a forma como o cinema é exibido no nosso país, com elevadas repercussões para distribuidoras e exibidores menores, como o caso dos cinemas Medeia. Reza a lenda que  a AdC é contra os monopólios, contudo gera-se aqui um ligeiro contra-senso, pois vivemos rodeados de monopólios em Portugal: como é o caso da EDP ou da PT.

O myZONcard foi então suspenso até que todo o processo seja concluído e tem a sua razão de ser. Os cinemas Lusomundo e apesar de um ser frequentador dos mesmos por questões geográficas, são conhecidos pelos filmes comerciais, pelos elevados preços dos bilhetes e pelos intervalos que estimulam ao consumismo. Já se sabe que no nosso país, tudo é que é à borla é bom e uma oferta como esta poderá levar aos fantásticos magotes que se reúnem em massa nas salas de cinema, sem se preocuparem com a qualidade do filme ou os outros espectadores. Por outro lado, poderá obrigar ao fecho de salas de cinemas como os Medeia, que muitas vezes são os únicos que exibem determinados géneros de filmes.

A ZON considerou esta decisão lesiva do direito do consumidor (yeah, righ) e ora toca de mudar as regras. Segundo comunicado no site da empresa, a partir do ontem o myZONcard passou a garantir apenas 2 bilhetes de cinema pelo preço de um ou oferta de menu “pipocas + bebida” pequeno na compra de um bilhete de cinema, se forem cinéfilos singulares.

Alguém ainda acredita que o myZONcard tem motivações bondosas e de puro gosto pelo cinema? Não será uma tentativa por parte da ZON de tentar monopolizar a indústria, encharcar a todos nós de blockbusters comerciais e sem qualidade e depois aumentar os preços dos bilhetes?

Eu confesso… (18)

Sinto-me esgotado física e psicologicamente.

21 Grams e 12 Rounds

À partida, não teriam muito a ver um com o outro, não fossem talvez os dois dígitos no título do filme que os tornam semelhantes: 21 e 12.

21 Gramas é conhecido de todos nós. É um filme dramático de 2003, nomeado para dois Óscares (Melhor Actor Secundário e Melhor Actriz Principal) de Alejandro González Iñárritu, autor de sucessos da crítica como Amor Cão e Babel.

12 Rounds tem apenas estreia prevista nos Estados Unidos para 27 de Março 2009 e é um thriller de acção, com realização de Renny Harlin.

Tudo isto para dizer que, apesar das fracas semelhanças entre si, existe algo que se destaca: os posters. Sou só eu que acha estes posters extremamente parecidos?

21grams_2003

twelve_rounds